Ultimas Postagens

28 de jun de 2015

MONARK BRISA PERDIDA EM SP (bicicleta antiga)

Essa simpática MONARK BRISA, aro 26, está há dias acorrentada na Avenida São Luis, no centro de São Paulo.


Pode ser que o dono prenda essa magrela diariamente na mesma árvore. Eu espero estar errado, mas tenho a impressão de que ela está abandonada nesse mesmo lugar há semanas, pois já passei na frente dela tarde da noite.

Detalhe da pintura não original da bicicleta,
mas que conferiu um charme especial ao quadro.

Quem é o (a) dono (a) dessa bicicleta? Por que ela está nesse mesmo lugar há vários dias? Foi abandonada? Quem a prendeu nessa árvore? Aconteceu algo com o seu dono? 

São alguns dos mistérios acerca dessa magrela. 


Detalhe do bagageiro - antigamente chamado
de "garrupeiro": uma curva para cima na extremidade
frontal do bagageiro permite um encaixe melhor de objetos

Mas não é só. Numa primeira aproximação, eu não soube avaliar qual bicicleta se tratava e quais eram suas características históricas. Percebi apenas que era uma Monark, afinal o logotipo está presente em algumas peças, como no manete do freio e na extremidade da manopla: 

A foto está meio distorcida, mas é possível
 perceber um "M" característico da Monark. 

Tradicional logo da Monark na manopla

Além disso, a marca Monark também está presente no selim:


Depois, fazendo uma pesquisa na internet, descobri que essa misteriosa bicicleta é uma MONARK BRISA, aro 26, como mostram as fotos comparativas abaixo: 

A bicicleta acorrentada na Av. São Luis 
Foto de uma Monark Brisa, com seus adesivos, 
copiada a partir do site Mercado Livre 
Outro ângulo da mesma Monark Brisa
do  site Mercado Livre
Outra foto de uma Monark Brisa, obtida na
rede mundial de computadores.
Comparando as fotos acima (curvaturas dos quadros, protetores de corrente, guidões, manoplas, manetes, selins e até mesmo as cuvas de ambos os bagageiros) percebe-se que a bicicleta misteriosa fotografada na Av. São Luis, é uma autentica MONARK BRISA.
 
O detalhe do pedal e do protetor de corrente
É possível deduzir que, com exceção da pintura e da cestinha, a bicicleta está toda original, incluindo os freios tipo "ferradura". E, além disso, a qualidade das peças dessa bicicleta clássica é indiscutível. Nas minhas observações presenciais, pude notar que ela está bem robusta.


No passado, a MONARK BRISA se tornou muito popular no Brasil, sendo concebida para concorrer com a Caloi Ceci. O selim era feito de ferro, coberto de espuma e uma espécie de couro, com uma mola embaixo do banco, para diminuir a trepidação provocada pelas estradas de chão. Era fabricada com aros 16, 20 e 26, segundo algumas pesquisas que fiz na internet. Hoje, a Monark fabrica apenas os aros 16 e 20 desse modelo, apenas para criança. Mas, olhando o site da fábrica, os modelos atuais não me pareceram muito robustos. 

Eu espero que essa linda bicicleta clássica volte a circular pela cidade com o seu autêntico dono.


Outras postagens sobre bicicletas antigas femininas:

7 comentários:

  1. Legal cara amo esse modelo de bicicleta... sou apaixonado por bikes!tou Adias na neti procurando saber o ano modelo e marca dessa bicicleta tenho uma só q toda modificada original só o quadro e lida a mia?? Lidas amei!!

    ResponderExcluir
  2. Boa noite. Parabéns pelo blog !!! Comprei recentemente um Monark Brisa Class toda original com exceção da cestinha e bagageiro, muito enferrujada e mandei para a reforma... Gostaria de saber mais ou menos o ano de fabricação dessas bicicletas ??? Obrigado.

    ResponderExcluir
  3. Boa noite. Parabéns pelo blog !!! Comprei recentemente um Monark Brisa Class toda original com exceção da cestinha e bagageiro, muito enferrujada e mandei para a reforma... Gostaria de saber mais ou menos o ano de fabricação dessas bicicletas ??? Obrigado.

    ResponderExcluir
  4. De acordo com minhas pesquisas a brisa aro 26 foi feita a partir de 1986.

    ResponderExcluir
  5. TENHO UMA QUE PRECISO TROCA CAMERA E PNEUS QUAL VALOR DELAS PRA VENDA

    ResponderExcluir
  6. Quem possui uma monark brisa,superou todas as razoes em ter uma bike retro.Eu nunca vou desfazer da minha,pelo que, ela me oferece e o impacto da sua beleza.Tenho meu próprio mecânico para suporte & manutenção.Não há preço!!

    ResponderExcluir

Traduzido Por: Mais Template - Designed By